Sites Grátis no Comunidades.net Criar um Site Grátis Fantástico
Qual cão você prefere ser? - Sodré Neto

Qual cão você prefere ser ? 

Sodré Neto



Era o ano de 1991 e  estava na aula de teologia com o professor Robson Marinho; o  tema era analisar as religiões do planeta e o professor estava falando sobre o espiritismo. Quando ele começou a analisar a reencarnação eu levantei a mão e disse que acreditava na reencarnação porque uma cartomante havia me provado que eu havia sido um cachorro na última reencarnação das minhas vidas passadas. 

Os alunos protestantes-adventistas começaram a rir e eu decidi provar para meu colega ao lado a prova que a cartomante me deu, mandei ele apalpar meu pescoço percebendo então a marca de uma coleira. Entre risos e desconfiança ele estendeu a mão para verificar e então eu ladrei bem alto e achei que não ia morder sua mão, mas seu movimento involuntário não funcionou como previa se afastando e acabei mordendo o pobre rapaz .

Naquele dia não houve mais aula, pois ninguém conseguia falar nada sério mais. Mas pensando neste incidente decidi provar hoje algo bem mais difícil , que todos somos cães e podemos escolher que tipo de cão seremos. 
   

Resultado de imagem para rico banqueteando na frente de pobres
OS MESMOS CÃES  

 

A cena de um homem gordo, rico,  se banqueteando e desperdiçando comida na frente das pessoas miseráveis , e ainda , enquanto come , pregando hipocritamente que cada um deve se esforçar para conseguir seu lugar, é uma cena revoltante não é mesmo  ?

Quem é que não se sente  incomodado ao comer na frente do miserável  ? Todos sentimos exceto os cães . Eles  amam e são fiéis ao seu dono não importa se ele for mendigo, bandido, qualquer coisa. Eles sempre estarão ao lado de quem amam .

 

Resultado de imagem para rico banqueteando na frente de pobres

 A MESMA CENA SE REPETE HOJE
Resultado de imagem para mendigo cãoResultado de imagem para mendigo cãoImagem relacionadaResultado de imagem para mendigo cão



Jesus tocou neste ponto, e não foi indiferente a esta triste realidade ao contar a parábola do mendigo Lázaro que foi para o céu que  morava na frente da mansão do rico que foi para o inferno. 

A parábola do rico e Lázaro

19 Ora, havia um homem rico, e vestia-se de púrpura e de linho finíssimo, e vivia todos os dias regalada e esplendidamente. 20 Havia também um certo mendigo, chamado Lázaro, que jazia cheio de chagas à porta daquele. 21 E desejava alimentar-se com as migalhas que caíam da mesa do rico; e os próprios cães vinham lamber-lhe as chagas. 22 E aconteceu que o mendigo morreu e foi levado pelos anjos para o seio de Abraão; e morreu também o rico e foi sepultado. 23 E, no Hades, ergueu os olhos, estando em tormentos, e viu ao longe Abraão e Lázaro, no seu seio. 24 E, clamando, disse: Abraão, meu pai, tem misericórdia de mim e manda a Lázaro que molhe na água a ponta do seu dedo e me refresque a língua, porque estou atormentado nesta chama. 25 Disse, porém, Abraão: Filho, lembra-te de que recebeste os teus bens em tua vida, e Lázaro, somente males; e, agora, este é consolado, e tu, atormentado.26 E, além disso, está posto um grande abismo entre nós e vós, de sorte que os que quisessem passar daqui para vós não poderiam, nem tampouco os de lá, passar para cá. 27 E disse ele: Rogo-te, pois, ó pai, que o mandes à casa de meu pai, 28 pois tenho cinco irmãos, para que lhes dê testemunho, a fim de que não venham também para este lugar de tormento. 29 Disse-lhe Abraão: Eles têm Moisés e os Profetas; ouçam-nos. 30 E disse ele: Não, Abraão, meu pai; mas, se algum dos mortos fosse ter com eles, arrepender-se-iam. 31 Porém Abraão lhe disse: Se não ouvem a Moisés e aos Profetas, tampouco acreditarão, ainda que algum dos mortos ressuscite.



Desde crianças somos ensinados a dividir com justiça as coisas. Quando temos um saco de balas numa casa , o melhor a fazer é dividir pois o clima de amor acontece mais em sistema de justiça. 




O consumismo e o domínio dos EUA, Vaticano e G8, e de toda pessoa privilegiada por herança, oportunidades ou até mesmo aspectos psicológicos comportamentais vantajosos, aqueles que se comportam como consumistas desgraçados que só pensam em si mesmos, indiferentes a triste realidade ao redor, desperdiçando recursos em ostentação, luxo, caprichos e desejos insaciáveis de prazer,  estes tem custado a exploração dos outros por meio de especulações, fabricação do dólar, ações,  patentes, usurpando injustamente o esforço e trabalho de bilhões de pessoas carentes, famintas, sem teto, sem rumo, sem tecnologia, sem governos, sem pátria, sem remédios, sem saúde, favelados, destruídos, pobres de dinheiro e de todos os recursos. 

Esta é uma semelhante leitura da realidade que fez surgir o comunismo que é a solidariedade obrigada pelo Estado, que apesar de ser errado e ter caído como sistema econômico ineficiente (apesar de na China estar resolvendo a vida de 1,36 bilhão de pessoas) caiu mas não caiu seu motivo, que enquanto existir, clamará por alguma solução.

Resultado de imagem para comunismo

Portanto advogar, propor, elaborar, participar, de programas sociais é o mínimo que fazemos como cidadãos do mundo. Não reclamo aqui nosso papel como seres humanos e muito menos nosso papel como cristãos,  que se fôssemos cristãos ricos teríamos que vender tudo e dar aos pobres . Não. Não estou destacando aspectos morais cristãos, apenas cidadania básica. 

Se estivesse reclamando papel de Cristão  estaria repetindo bem alto o mandamento de Jesus: " Vai vende tudo que tens e dá aos pobres , e terás um galardão nos céus" Jesus  Ou de Judeu, estaria pregando o ano jubileu que devolvia aos endividados suas posses.

Quem são os Cães Verdadeiros 


Ficarão de fora os cães, os mágicos, os impudicos, os homicidas, os idólatras e todos os que amam e praticam a mentira”. ... Como se observa no versículo, “os pastores-cães” são cobiçosos, avarentos; só se preocupam com o próprio ventre; sempre buscam a sua satisfação pessoal deixando as ovelhas ao abandono. 



Os cães segundo o texto acima de filipenses 3:2 e apocalipse 22:5 se referem a atitudes egoistas...neste sentido também os mesmos cães na mesma cena se repetem hoje.

A conclusão que chego é que na verdade eu não fui um cão na vida passada , pois  enquanto pecadores todos podemos ser apenas cães , ou cães ao lado dos miseráveis ou cães  mandados por Jesus ao inferno

Qual cão você prefere ser ?