Sites Grátis no Comunidades.net
Experiências Sobrenaturais

Milagres



Acho que foi Oswald Chambers quem disse que quando precisamos de sinais sobrenaturais é porque ainda somos muito novatos na fé, e que quando somos maduros, ocorre um silencio confiante em qualquer situação. Então, desde que percebi essa verdade não me senti tão orgulhoso de tantas vezes que Deus se revelou sobrenaturalmente a mim. E eu não sei muito porque devo contar e testemunhar as coisas que aconteceram na minha vida, mas espero que os leitores encontrem nestas experiências alguma coisa importante. Para mim este exercicio de lembrar já é importante, pois se não esqueço Deus me guiando no passado, isso me ajuda a enfrentar o que vier pelas frente.

 

Duas vezes Deus declarou me amar.

1ª vez

Eu orava a Deus duvidando do seu amor por mim,  tinha por volta de 16 anos...era um dia de sábado e eu era adventista tradicional (adventistas tradicionais não ligam TV ou radio neste dia)  mas o Espírito Santo quando estava ajoelhado mandou que eu ligasse o radio, eu resisti porque para mim era "pecado", mas sentindo aquela insistencia espiritual eu liguei...a voz do cantor sertanejo dizia: "O Senhor me abandonou, naquele instante sagrado ele abraçou-me dizendo assim, usei coroa de espinho, morri numa cruz e duvidas de mim, filho estes rastros são meus, ouça o que eu vou lhe dizer, nas suas horas de angustia, eu carregava você"  Caso queira ouvir clique aqui "Pegadas na Areia "

 

2ª Vez

Uma vez, ouvia o pastor alejandro Bullon , um grande libertador do legalismo na historia do adventsmo moderno, fiz até uma comunidade no orkut para reunir testemunhos dos milhões de mlagres que ocorrem no seu ministerio.

Quando ele pregou num grande auditorio da USIPA em Ipatinga-MG,  em pensamento zombava dele como se tratasse de um grande picareta psicólogo que adivinhava a necessidade das pessoas, tipo as cartomantes que "adivinham" que vc tem um problema de saúde, um sentimental e um financeiro..(rs..todos tem)


A questão é que, justamente quando pensava isso dele, ele se virou e apontou EXATAMENTE para mim, o auditorio era retangular e havia arquibancada lateral, era uma imensa quadra pelo que me lembro. Eu estava assentado de forma diagonal onde o pregador em geral não se dirige.

O problema foi que ele falou exatamente tudo que eu estava passando, sentindo e comentou DETALHES incríveis..apontando ininterruptamente para mima ponto de alguns ao meu lado me olharem

Não sou o primeiro a testemunhar isso nas pregações de Alejandro Bullon, me lembro agora de um ateu que se converteu com apenas uma pregação no ginásio do Ibirapuera. A historia é linda, o ex-ateu pagou uma página inteira do Estadão implorando o retorno da sua filha com quem havia se desentendido por causa de uma gravidêz, o que havia resultado na separação do pai e da filha.

Houve um caso de dois ladrões que haviam fugido da policia e se escondido numa reunião...no meio do sermão o pastor Bullon descreve a vida deles apontando para eles e sem saber o que estava falando...os homens são convertidos hoje e se entregaram a policia, eu os vi, cumpriram pena reduzida por excelente comportamento.

O homem é um homem de Deus, ele não aceita dinheiro, um membro da Igreja de Moema lhe presenteou com um carro novo, e ele estupidamente devolveu indignado..ele parece que não é muito polido tem certas horas...


Bom vou colocando diversas outras experiências. Caso queira compartilhar as suas aqui, mande via livro de comentarios ou comentando abaixo.